Pequim envia diplomata de alto nível aos Estados Unidos

Pequim, 27 Fev 2017 (AFP) - A China enviou nesta segunda-feira seu emissário de maior nível aos Estados Unidos, uma viagem que evidencia as crescentes tensões entre os dois países após os ataques de Donald Trump contra Pequim antes de chegar à Casa Branca.

A agência oficial chinesa Xinhua anunciou que o conselheiro de Estado Yang Jiechi, um diplomata mais influente inclusive que o ministro das Relações Exteriores Wang Yi, viajará aos Estados Unidos nesta segunda-feira ou na terça-feira, na primeira visita de um representante chinês deste nível desde a posse de Donald Trump em 20 de janeiro.

O anúncio foi feito em um momento no qual as potências econômicas se esforçam para aproximar as posições, depois que as declarações explosivas de Trump sobre a concorrência econômica chinesa e as relações com Taiwan provocaram um distanciamento entre os países.

Entre os principais temas da agenda estaria a organização de uma reunião de Trump e seu colega chinês, Xi Jinping, informou à agência Xinhua um especialista em relações internacionais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos