Justiça absolve ex-primeira-dama marfinense de crimes contra a humanidade

Abidjan, 28 Mar 2017 (AFP) - Uma corte de Abidjan absolveu na terça-feira a ex-primeira-dama da Costa do Marfim Simone Gbagbo, acusada de crimes contra a humanidade cometidos durante a crise pós-eleitoral de 2010 e 2011.

"O júri declara por maioria Simone Gbagbo inocente dos crimes que lhe são imputados, pronuncia sua absolvição e ordena sua libertação imediata", declarou o juiz Kouadjo Boiqui, presidente do tribunal.

Simone Gbagbo cumpre pena de 20 anos de prisão por atentar contra a segurança do Estado, sentença proferida em 2015.

O procurador-geral do tribunal de Abidjan, Aly Yéo, tinha pedido a prisão perpétua para Gbagbo por considerar que a decisão selaria "a reconciliação nacional" após a sangrenta crise eleitoral de 2010 e 2011.

Segundo ele, Simone Gbabgo começou a se impor "como a verdadeira chefe da Costa do Marfim, do Exército, da polícia e da gendarmeria" desde a ascensão de seu esposo, Laurent Gbagbo, ao poder no ano 2000.

Ela era julgada desde 31 de maio de 2016 pelo suposto envolvimento no disparo de obuses contra o mercado de Abobo, um bairro de Abidjan partidário de Alassane Ouattara, adversário de seu marido nas eleições de novembro de 2010.

A Justiça também investigava sua participação em uma célula que organizava ataques lançados por milícias e militares próximos ao regime.

Estes crimes deixaram mais de três mil mortos no país africano, depois que Gbagbo se negou a reconhecer a vitória eleitoral de Ouattara.

As partes têm 60 dias para recorrer da sentença, informou o juiz Boiqui.

A ex-primeira-dama, que apareceu pela última vez na corte no fim de novembro, não quis assistir a um julgamento ao qual considera injusto.

A Corte Penal Internacional (CPI) de Haia julga seu marido, Laurent, por crimes contra a humanidade cometidos durante a crise de 2010 e 2011.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos