Indicado ao FBI: investigação sobre a Rússia não é 'caça às bruxas'

Washington, 12 Jul 2017 (AFP) - A investigação em andamento nos Estados Unidos sobre o eventual papel da Rússia nas eleições presidenciais do ano passado não é uma "caça às bruxas", afirmou nesta quarta-feira Christopher Wray, indicado para dirigir a polícia federal americana (FBI).

Durante a sessão para sua confirmação ante o Senado, Wray disse não acreditar que Robert Mueller, o procurador especial designado para investiga o caso, "esteja conduzindo uma caça às bruxas".

O presidente Donald Trump usou esta frase nesta quarta no Twitter para se referir à investigação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos