Topo

Trump elogia Bolsonaro e o chama de 'Donald Trump da América do Sul'

"Dizem que ele é o Donald Trump da América do Sul. Acreditam? Estou contente com isto!", afirmou Trump na convenção da American Farm Bureau Federation (AFBF) - Leah Millis/Reuters
"Dizem que ele é o Donald Trump da América do Sul. Acreditam? Estou contente com isto!", afirmou Trump na convenção da American Farm Bureau Federation (AFBF) Imagem: Leah Millis/Reuters

14/01/2019 20h24

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, elogiou novamente Jair Bolsonaro e se disse alegre com a comparação entre os dois, em discurso realizado nesta segunda-feira.

"Dizem que ele é o Donald Trump da América do Sul. Acreditam? Estou contente com isto! Se não estivesse, não gostaria tanto daquele país, mas eu gosto", declarou o presidente em discurso na convenção da American Farm Bureau Federation (AFBF), a maior organização agropecuária dos Estados Unidos, que ocorre em Nova Orleans.

Ao destacar a revitalização do vínculo comercial com o Brasil a partir de 2003, Trump avaliou que Bolsonaro - que promete forjar uma aliança com Washington após mais de uma década de governos de esquerda no Brasil - é "um grande novo líder".

No dia 1º de janeiro, logo após Bolsonaro assumir a presidência, Trump felicitou o presidente no Twitter por seu "grande discurso" de posse.

"Sou um admirador do presidente Trump. Ele quer um Estados Unidos grande; eu quero um Brasil grande", afirmou Bolsonaro em sua primeira entrevista coletiva após vencer o primeiro turno, em outubro passado.

Na ocasião, Bolsonaro manifestou sua posição sobre a imigração contrária às fronteiras abertas, alinhada a do presidente americano.

Trump, de 72 anos, e Bolsonaro, 63, compartilham muitas coisas: chamam atenção por sua retórica polêmica e geralmente agressiva, são acusados de misóginos e racistas, atacam a mídia tradicional e sabem aproveitar as redes sociais como poucos.

Internacional