PUBLICIDADE
Topo

Guerra da Rússia-Ucrânia

Notícias do conflito entre Rússia e Ucrânia


Conteúdo publicado há
4 meses

Ucrânia denuncia 'horríveis' disparos de mísseis russos contra Kiev

Dmytro Kuleba, ministro das Relações Exteriores da Ucrânia - Reprodução/Twitter @DmytroKuleba
Dmytro Kuleba, ministro das Relações Exteriores da Ucrânia Imagem: Reprodução/Twitter @DmytroKuleba

25/02/2022 02h42

O ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, denunciou os disparos de mísseis russos contra Kiev, na madrugada desta sexta-feira (25), que, segundo o prefeito da capital, deixaram pelo menos três feridos.

"Horríveis disparos de mísseis russos sobre Kiev. A última vez que nossa capital experimentou algo semelhante foi em 1941, quando foi atacada pela Alemanha nazista. A Ucrânia derrotou aquele demônio e derrotará este também", declarou Kuleba em uma mensagem em sua conta no Twitter.

Duas fortes explosões foram ouvidas nesta sexta-feira no centro de Kiev, segundo um jornalista da AFP. Os militares ucranianos relataram "disparos de mísseis" russos na capital e a interceptação de dois deles em pleno voo.

O prefeito de Kiev, Vitali Klichko, indicou que três pessoas ficaram feridas, uma delas gravemente, em um bairro residencial a sudeste da capital.

Segundo fontes militares ocidentais, o exército russo está se aproximando de Kiev, onde foi imposto um toque de recolher, com a intenção de "decapitar o governo ucraniano" e instalar um executivo pró-Moscou em seu lugar.

  • Veja as últimas informações sobre a guerra na Ucrânia e mais no UOL News com Fabíola Cidral: