PUBLICIDADE
Topo

Política

Bruno Covas é internado para tratar infecção de pele

24.jan.2019 - O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB) - Eduardo Knapp/Folhapress
24.jan.2019 - O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB) Imagem: Eduardo Knapp/Folhapress

São Paulo

24/10/2019 10h18

O prefeito de São Paulo Bruno Covas foi internado na tarde de ontem para tratamento de uma infecção na pele. Ele foi diagnosticado com erisipela, uma inflamação causada por bactérias que infectam ferimentos como picadas de insetos e micoses.

Covas é atendido no Hospital Sírio-Libanês, e está recebendo antibióticos e anti-inflamatórios por via intravenosa. A equipe médica que atende o prefeito é coordenada pelo médico David Uip, que também foi secretário estadual de Saúde durante a gestão de Geraldo Alckmin.

O prefeito já havia sido atendido no pronto-atendimento do Hospital Albert Einstein na tarde do último sábado, 19. O motivo era também infecção de pele em um "membro inferior", segundo nota divulgada pela Prefeitura. A erisipela costuma atingir as pernas com maior frequência.

Na ocasião, Covas havia recebido alta na mesma tarde, após ser submetido a exames e ter antibióticos prescritos para o tratamento. Ele havia cancelado sua agenda durante o fim de semana para ficar em repouso.

Após avaliação médica, realização de exames e medicação, a base de antibióticos por uma semana, recebeu alta por volta das 17h.

"A recomendação médica é para evitar esforço físico e não permanecer muito tempo de pé", dizia a nota da prefeitura no fim de semana. "Dessa forma, algumas agendas externas previamente marcadas para os próximos dias devem ser remarcadas ou não contarão com a presença do prefeito."

Ouça o podcast Baixo Clero, com análises políticas de blogueiros do UOL. Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas de áudio.

Política