PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Papa nomeia mexicano e argentina para comissão da América Latina

A Pontifícia Comissão para a América Latina é um órgão que ajuda na relação entre o comando da Igreja Católica e diversas instituições no subcontinente - Andreas Solaro/AFP
A Pontifícia Comissão para a América Latina é um órgão que ajuda na relação entre o comando da Igreja Católica e diversas instituições no subcontinente Imagem: Andreas Solaro/AFP

26/07/2021 08h22Atualizada em 26/07/2021 09h06

O papa Francisco fez duas nomeações nesta segunda-feira (26) para a Pontifícia Comissão para a América Latina, órgão da Cúria Romana com mais de 60 anos de existência.

Para a função de secretário, o escolhido foi o professor mexicano Rodrigo Guerra López, 55 anos, já membro dos órgãos para a Vida e também das Ciências Sociais. Já a chefe de Gabinete será a professora argentina Emilce Cuda, 55, que leciona Teologia na Pontifícia Universidade Católica Argentina e na St. Thomas University, nos Estados Unidos.

Cuda é bastante conhecida na Igreja Católica por ter escrito um livro chamado "Para Leer a Francisco - Teologia, Etica y Politica", lançado em 2014. Desde então, é chamada de "a mulher que sabe ler o papa Francisco".

Já o mexicano López transita por órgão da Igreja Católica desde 2004 e tem uma série de livros publicados nas áreas de ciências sociais, ética e filosofia, também tendo escrito obras sobre a política latino-americana e sobre o então papa João Paulo II.

A Pontifícia Comissão para a América Latina é um órgão que ajuda na relação entre o comando da Igreja Católica e diversas instituições no subcontinente.

Internacional