Nova mão biônica permite movimento realista dos dedos

da BBC, em Londres

Uma empresa da Escócia desenvolveu a mais moderna mão biônica já feita, com cinco dedos que se movem de forma independente, com motores próprios, e com articulações parecidas com as de dedos de verdade.

A novidade da i-LIMB permite que ela tenha uma “pegada” mais firme do que outras mãos artificiais hoje no mercado, que em geral têm apenas dois dedos e um dedão.



Um homem que sofreu um acidente industrial há quase 30 anos foi o primeiro a receber a nova mão biônica e disse estar muito satisfeito.

Desde que perdeu sua mão direita, Donald MacKillop testou uma série de mãos diferentes, mas, segundo ele, nenhuma chega perto da i-LIMB.

“É inacreditável. É tão parecido com ter dedos, você pode fazer tudo com ela”, disse ele. “É porque os dedos (da prótese) podem envolver as coisas, isso facilita muito a vida”.

A i-LIMB foi desenvolvida pela companhia Touch Bionics, e está sendo testada no Centro Nacional de Próteses da Strathclyde University, na Escócia.

Segundo o especialista em próteses Bill Dykes, a nova mão representou um salto tecnológico, mas em poucos anos devem ser criadas próteses ainda melhores.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos