Na Espanha, 94% das notas de euro têm traços de cocaína

da BBC, em Londres

Um estudo realizado na Espanha indica que 94% das notas de euro que circulam pelo país contêm traços de cocaína.

Os cientistas coletaram cinco notas de dez euros, dez de vinte euros e cinco de 50 euros em cinco cidades espanholas – Barcelona, Madri, Sevilha, Valência e Bilbao.

A análise mostrou que, em média, cada uma das notas carregava, em média, 25,18 microgramas (cada micrograma equivale a 0,000001 grama) de cocaína.

No caso de Madri, por exemplo, apenas três das 20 coletadas na capital espanhola não continham nenhum traço da droga.

De acordo com o jornal espanhol El Mundo, que divulgou a pesquisa, a Espanha é o líder mundial no consumo da droga, com cerca de 474 mil usuários regulares de cocaína.

Notas que se desfazem

Os usuários geralmente consomem cocaína enrolando uma nota bancária para, por meio dela, aspirar o pó.

Mas os especialistas dizem que não é possível dizer com certeza se as notas onde a droga foi encontrada foram de fato usadas dessa forma ou se foram contaminadas de outra maneira.

Outros países europeus já fizeram levantamentos semelhantes. Uma pesquisa feita pela BBC em 1999 concluiu que 99% das notas de cinco libras em circulação na Grã-Bretanha continham traços de cocaína.

Neste mês, autoridades na Alemanha disseram que o fato de algumas notas de euro estarem se desfazendo no país pode estar relacionado ao fato de elas serem usadas para consumir a droga metanfetamina.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos