Lojas britânicas abrem cedo de olho nas vendas pós-Natal

da BBC, em Londres

Muitas lojas da Grã-Bretanha abriram cedo nesta quarta-feira para lançar suas liquidações de fim de ano, no que promete ser um dos dias mais movimentados do ano para o comércio no país.

Várias promoções começaram na terça-feira, mas muitas lojas estão voltando a vender nesta quarta-feira pela primeira vez desde a véspera do Natal.

Algumas lojas da rede Next, que vende roupas e objetos de decoração, abriram suas portas às 04h30, 05h do horário local (03h em Brasília).

Longas filas se formaram em frente às lojas da tradicional rede Marks & Spencer bem antes das 08h da manhã, quando as portas foram abertas.



Analistas dizem que os próximos dias serão muito importantes para o comércio, já que as vendas deste período podem representar mais da metade do lucro anual.

Bom começo

Segundo alguns analistas, o número de pessoas fazendo compras nesta terça-feira foi 7% maior do que o registrado no ano passado.

Mas esse aumento pode não significar mais vendas ou lucros para os comerciantes, principalmente porque a concorrência dos sites de compras pela internet já fez com que muitos passassem a oferecer descontos até mesmo antes do Natal.

O shopping center de Brent Cross, no norte de Londres, estima que 150 mil consumidores deverão visitar o local nesta quarta-feira, provavelmente o dia mais movimentado do ano.

Há estimativas de que os consumidores britânicos irão gastar mais de 30 bilhões de libras (quase R$ 130 bilhões) durante o período de festas, um pouco mais do que no ano passado.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos