Exposição sobre Kylie Minogue causa polêmica em Londres

da BBC, em Londres

A partir desta semana, os vestidos e figurinos usados pela atriz e cantora australiana Kylie Minogue em suas turnês e carreira estão sendo expostos em uma polêmica mostra no museu Victoria & Albert, em Londres.

A decisão do museu de fazer a exposição gerou uma discussão sobre a iniciativa de conceder espaço e utilizar recursos públicos para realizar uma mostra dedicada a uma cantora pop.



O crítico de arte Stephen Bailey disse em entrevista ao jornal The Independent que "se vão mostrar os vestidos de Kylie em uma ‘câmara dos horrores’ no museu, é uma coisa".

"Agora, caso se trate da adoração silenciosa de uma celebridade, então não vale a pena".

O museu se defende dizendo que a artista merece a exposição porque “se transformou em um ícone da moda”, segundo a curadora da mostra, Vicky Broackes, em entrevista ao Sunday Times.

A exibição ilustra as contínuas mudanças da cantora desde que ela iniciou a sua carreira em 1987, incluindo roupas que ela usou durante uma novela televisiva que ela estrelava na Austrália até um par de calças douradas que ficaram famosas no vídeo de Spinning Around.

Minogue, que tem 38 anos, foi recebida pelos fãs na abertura da exposição e se disse honrada com a homenagem. “Não tenho palavras. Fiquei honrada demais”, declarou a artista à imprensa.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos