Galáxia pode dar pistas sobre formação da Via Láctea

da BBC, em Londres

Imagens obtidas pelo telescópio espacial Hubble podem trazer novas pistas sobre a formação da Via Láctea, a galáxia onde fica a Terra.

Entre as fotos está a imagem do redemoinho de estrelas e galáxias conhecido como Abell S0740, localizado na constelação de Centaurus, que fica na direção do hemisfério sul terrestre.

Os astrônomos estão especialmente interessados em uma galáxia brilhante e elíptica no centro de Abell S0740. Chamada de ESO 325-G004, a galáxia pode ajudar os pesquisadores a estabelecerem a massa exata da Via Láctea.



Normalmente, as galáxias mais próximas da Terra ficam a pelo menos cinco bilhões de anos-luz, mas A ESO 325-G004 está localizada a apenas 450 milhões de anos-luz.

A Via Láctea está se movendo em direção à constelação Centaurus, que fica a 463 milhões de anos-luz, com uma velocidade de 1.5 milhões de metros por hora.

Os astrônomos ainda não encontraram explicação para esse fenômeno.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos