Juiz italiano reconhece casamento feito pelo telefone

da BBC, em Londres

Um jovem casal paquistanês que se casou pelo telefone conseguiu ter a cerimônia reconhecida pela Justiça italiana.

O noivo, um residente do norte da Itália, disse que temia perder o emprego caso viajasse ao Paquistão para o casamento.

A cerimônia foi então realizada pelo telefone e os noivos obtiveram uma certidão de casamento paquistanesa.

A embaixada italiana no Paquistão, no entanto, estava proibindo que o noivo trouxesse sua esposa para viver legalmente na Itália por causa da forma como os dois se casaram.

Segundo a decisão da Justiça de Milão, os diplomatas italianos agiram ilegalmente.

Para o juiz, o que importa é que o casamento por telefone é reconhecido no país de origem do casal.

O paquistanês chegou a mostrar no tribunal um vídeo de sua festa de casamento, com seus parentes comemorando, mas sem a presença do próprio noivo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos