UE faz operação contra imigrantes ilegais sul-americanos

da BBC, em Londres

A Agência de Controle de Fronteiras Externas da União Européia (Frontex) está realizando até o próximo dia nove uma operação especial para combater o fluxo de imigrantes ilegais da América do Sul em oito aeroportos da União Européia.

Um total de 29 especialistas em gestão de fronteiras do órgão atuarão em Madri, Barcelona, Lisboa, Roma, Milão, Frankfurt, Paris e Amsterdã.

Eles estão dando suporte especializado aos agentes de imigração locais, ajudando a detectar ilegalidades e dando assistência em eventuais trâmites para repatriações.

“Os especialistas verificam a documentação, identidade e motivo da viagem. Se levantam alguma suspeita, podem determinar razões para negar a entrada do viajante”, explicou a assessoria de imprensa da Frontex.

A decisão final é tomada pelas autoridades do país em questão.

“Se realmente for negada a entrada, nossa equipe trabalhará para enviar o imigrante de volta (ao país de origem) o mais rápido possível, por exemplo, no próximo vôo.”

Portugal e Espanha

Esta é a segunda operação para controle de imigrantes ilegais da América do Sul realizada pela agência. Em novembro de 2006, uma ação similar nesses mesmos aeroportos impediu a entrada de 1992 sul-americanos considerados ilegais.

Na operação anterior, cidadãos do Brasil, Bolívia e Venezuela foram os que mais tiveram a entrada negada.

“Depois disso, realizamos um estudo de risco e constatamos que ainda há um grande fluxo migratório vindo da América do Sul via aérea vinculado ao uso fraudulento de vistos e de outros documentos de viagem. Por isso iniciamos essa nova operação”, justificou o diretor-executivo da Frontex, Ilkka Laitinen.

Portugal e Espanha são os destinos preferidos pelos sul-americanos, mas Laitinen ressaltou que, a partir desses países, muitos imigrantes ilegais acabam se instalando em outro Estado da UE.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos