Barco com 100 imigrantes naufraga no canal da Sicília

Roma, 26 mai (EFE).- Uma barcaça com cerca de cem imigrantes a bordo naufragou a 35 milhas do litoral da Líbia, no canal da Sicília, e várias lanchas e embarcações da operação de controle do Mediterrâneo da União Europeia (Eunavformed) tentam resgatar as pessoas que iam a bordo, confirmou à Agência Efe a Guarda Costeira italiana.

As fontes disseram que cerca de 90 pessoas que caíram ao mar foram resgatadas até o momento.

Esta é uma das 20 operações realizadas hoje na região e na qual, por enquanto, foram resgatados com vida 1.000 imigrantes, acrescentaram as fontes.

A Guarda-Costeira, que não descartou que haja mortos neste novo naufrágio, disse que foram resgatadas - graças às forças da Eunavformed - 88 pessoas que caíram ao mar.

As fontes explicaram que a fragata espanhola Rainha Sofía, que participa da operação, recuperou 64 imigrantes que tinham caído ao mar, enquanto as lanchas italianas resgataram outros 24 imigrantes.

Na conta no Twitter da Eunavformed foram publicadas as imagens do resgate e se pode ver como dezenas de pessoas pedem ajuda em cima de uma barcaça parcialmente afundada.

Um avião de reconhecimento de Luxemburgo, incluído nesta operação europeia, foi quem deu o sinal de alerta ao ver a barcaça naufragando nas águas do Canal da Sicília.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos