França apoia assinatura do acordo de paz na Colômbia e promete ajuda

Paris, 26 set (EFE).- A França mostrou nesta segunda-feira apoio ao acordo de paz da Colômbia, cuja assinatura em Cartagena das Índias terá a presença do secretário de Estado de Desenvolvimento e da Francofonia, André Vallini, ao mesmo tempo que se compromoteu a apoiar economicamente seu início.

A presença de Vallini na assinatura do acordo entre o governo colombiano e a guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) é um "testemunho do apoio da França ao processo e ao acordo de paz", indicou um porta-voz do Ministerio das Relações Exteriores.

O porta-voz lembrou que esse apoio já foi mostrado pelo presidente, François Hollande, a seu colega colombiano, Juan Manuel Santos, no último dia 20 durante a Assembleia Geral da ONU.

"Este acordo histórico acaba com um conflito de mais de 50 anos, que deixou centenas de milhares de vítimas. Demonstra que a busca pela paz, longa e difícil, merece ser incansavelmente perseguida", afirmou o porta-voz.

A França prestou homenagem ao trabalho da ONU e sua missão de observação durante todo o acordo.

Ao mesmo tempo, o porta-voz indicou que a França "estará ao lado do povo colombiano em seu caminho rumo à paz" e contribuirão financeiramente ao desenvolvimento rural do país e à desminagem da zona de conflito.

O porta-voz indicou que o ministro das Relações Exteriores da França viajará entre 16 e 17 de dezembro à Colômbia para o lançamento dos atos conjuntos entre ambos países que ocorrerão ao longo de 2017.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos