Papa e presidente da RDC pedem ajuda internacional para restabelecer a paz

Cidade do Vaticano, 26 set (EFE).- O papa Francisco se reuniu nesta segunda-feira no Palácio Apostólico do Vaticano com o presidente da República Democrática do Congo (RDC), Joseph Kabila, e durante, o encontro, ambos concordaram que impreterível a "cooperação em níveis nacional e internacional" para "restabelecer a convivência civil" no país.

Em nota, o Vaticano explicou que na audiência, que durou 20 minutos e teve a participação do secretário para as Relações com os Estados, dom Paul Richard Gallagher, foram abordadas a "persistente violência que afeta a população no leste do país" e necessidade de que isto seja resolvido.

"Foi dada especial atenção aos graves desafios colocados pela atual situação política e os recentes combates que se verificaram na capital. E foi destacada a importância da colaboração entre os atores políticos e os representantes da sociedade civil e das comunidades religiosas, em favor do bem comum, mediante um diálogo respeitoso e inclusivo para a estabilidade e a paz no país", informou a Santa Sé no comunicado.

A República Democrática do Congo, que ainda tenta se recuperar de uma sangrenta guerra civil, viveu novos enfrentamentos depois que Kabila atrasou a data das eleições, situação que provocou dezenas de mortes. O último mandato de Joseph Kabila, no poder desde 2001, terminaria em 19 de dezembro deste ano, mas o governo já disse que, por enquanto, não é possível realizar a eleição por conta da falta de verba e perante a impossibilidade de atualizar o censo antes dessa data.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos