Juncker diz aos britânicos que a conta do "Brexit" será "muito cara"

Bruxelas, 21 fev (EFE).- O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, disse nesta terça-feira que os cidadãos britânicos pagarão uma conta "muito cara" pela decisão majoritária de retirar o Reino Unido da União Europeia (UE).

"Os britânicos devem saber que (o 'Brexit') não será a custo reduzido ou a custo zero. Devem respeitar o compromissos do qual participaram. A conta será, dizendo um pouco vulgarmente, muito cara", comentou em discurso perante o parlamento federal da Bélgica.

Juncker afirmou que "será uma negociação difícil" e que levará "anos para entrar em acordo sobre as modalidades de saída e sobre a arquitetura futura das relações entre o Reino Unido e a UE".

O político luxemburguês também deixou claro que a Europa "não pode ser construída contra as nações".

"Os que imaginam que as nações são uma invenção provisória da História, perceberão que as nações são feitas para durar, em suas diferentes declinações. Há um nível nacional, um nível federal, um nível regional", declarou, ao considerar que "daqui a 20 anos, a verdadeira competição não ocorrerá entre os Estados, mas entre as regiões".

Juncker afirmou que, desde que chegou ao cargo, o governo comunitário enfrenta uma "policrise".

"Passei o primeiro semestre de 2015 apenas com a crise grega, que ainda dura, mas que está a caminho de ser resolvida. Pudemos constatar que houve a guerra na Síria, que infelizmente perdura", enumerou, ao acrescentar que "temos o problema do 'Brexit' e temos um novo presidente nos EUA (Donald Trump)".

O presidente da Comissão Europeia se disse "decepcionado" por haver países que considerem "que este assunto ('Brexit') já está resolvido".

"Quando a primeira-ministra britânica (Theresa May,) nos enviar a carta de separação, as negociações vão começar. Teremos dois anos para negociar as modalidades de saída do Reino Unido da UE", indicou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos