PUBLICIDADE
Topo

Internacional

EUA confirmam reunião entre Trump e presidente do Peru nesta sexta-feira

23/02/2017 15h02

Washington, 23 fev (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e seu colega peruano, Pedro Pablo Kuczynski, se reunirão nesta sexta-feira na Casa Branca, segundo confirmou nesta quinta-feira à Agência Efe um funcionário americano, que preferiu manter o anonimato.

O funcionário não ofereceu mais detalhes sobre a visita de Kuczynski à Casa Branca, que está programada para as 15h de Washington (17h de Brasília GMT) de amanhã, sexta-feira, de acordo com o governo peruano.

Kuczynski será o primeiro governante latino-americano a reunir-se com Trump desde que o magnata tomou posse em 20 de janeiro, dentro de uma visita aos EUA que se prolongará até 27 de fevereiro.

Durante o encontro, os dois líderes abordarão a relação bilateral, os programas de assistência e a cooperação na luta contra o tráfico de drogas, segundo antecipou ontem o primeiro-ministro peruano, Fernando Zavala.

Kuczynski, por sua vez, explicou em mensagem televisionada que falará com Trump, principalmente, sobre "proteger o livre-comércio nas Américas e no mundo".

"Vamos falar das perspectivas políticas e também de nossos concidadãos peruanos que vivem nos Estados Unidos", acrescentou Kuczynski.

O governante peruano abrirá sua agenda nos Estados Unidos na sexta-feira de manhã, com um encontro com o secretário-geral das Nações Unidas, o português António Guterres, na cidade de Nova York.

Em uma ligação telefônica que mantiveram no dia 12 de fevereiro, Kuczynski pediu a Trump que avaliasse a deportação do ex-presidente peruano Alejandro Toledo, contra quem o Peru emitiu um ordem de captura internacional por ter supostamente recebido US$ 20 milhões em propinas da construtora brasileira Odebrecht.

Toledo vive em San Francisco, na Califórnia, com sua esposa Eliane Karp, onde desenvolve trabalhos de pesquisa na Universidade de Stanford.

Internacional