Topo

Arábia Saudita diz que não busca guerra com o Irã, mas responderá a ameaças

2019-05-19T04:09:00

19/05/2019 04h09

Riad, 19 mai (EFE).- O ministro de Estado das Relações Exteriores da Arábia Saudita, Adel al Yubeir, assegurou que seu país não busca iniciar uma guerra com o Irã, embora responderá "com firmeza" a qualquer ameaça desse país em um momento de tensão entre ambas as nações, principais rivais no Oriente Médio.

"As mãos da Arábia Saudita estão estendidas para a paz que buscamos consegui-la, enquanto o regime iraniano não busca a paz na região", acrescentou Yubeir esta madrugada em entrevista coletiva em Riad, acrescentando que "a Arábia Saudita não busca a guerra, mas responderá com firmeza diante de qualquer ameaça".

"Não permitiremos ao Irã realizar atos hostis contra o reino. O reino responderá com toda a força e firmeza se a outra parte escolher a guerra", declarou Yubeir.

Riad acusou Teerã de ordenar o ataque do dia 14 de maio contra duas estações de bombeamento de petróleo da companhia estatal Aramco e que foi assumido pelos rebeldes xiitas houthis, aos quais a Arábia Saudita diz que são apoiados pelo Irã. EFE

Mais Internacional