PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
1 mês

Chile registra maior número de novos casos de covid-19 em mais de 2 meses

Teste covid - Marca Piner/Getty Images/iStockphoto
Teste covid Imagem: Marca Piner/Getty Images/iStockphoto

26/05/2022 20h21Atualizada em 26/05/2022 20h47

Santiago, 26 maio (EFE).- O Chile registrou nesta quinta-feira 7.550 novos casos de covid-19, o número mais alto em mais de dois meses, enquanto a taxa de positividade nacional ultrapassou os 10% pela primeira vez em semanas.

Após um pico de infecções em fevereiro causado pela variante ômicron, que elevou as infecções diárias a níveis nunca vistos em uma pandemia no Chile - acima dos 40 mil -, a pandemia estabilizou, embora nos últimos dias os casos tenham aumentado novamente.

"A variação de novos casos confirmados a nível nacional é de 27% e 100% para a comparação de sete e 14 dias, respectivamente", indicou o Ministério da Saúde chileno.

As regiões com maior taxa de positividade são a Metropolitana, que abriga a capital Santiago e onde vivem oito dos 19 milhões de habitantes do país; Valparaíso, O'Higgins e Maule, acrescentou a pasta.

Nas últimas 24 horas, também foram registradas 16 mortes, elevando o saldo total desde o início da pandemia para 57.851 óbitos e 3,6 milhões de casos, dos quais 25.292 estão na fase ativa da doença e podem infectar.

Os pacientes internados em unidades de terapia intensiva, no entanto, continuam em declínio com 150 atualmente, a maioria sem o calendário vacinal completo.

Nos últimos dias, tem havido longas filas nos postos de vacinação, principalmente em Santiago, pois há mais de 2,2 milhões de pessoas que ainda não foram inoculadas com a quarta dose.

Coronavírus