Líder da oposição de Taiwan Tsai vence eleição presidencial

Por J.R. Wu e Yimou Lee

TAIPÉ (Reuters) - A líder da oposição de tendência independente Tsai Ing-wen venceu as eleições presidenciais de Taiwan neste sábado, após o partido do governo admitir derrota, em resultado que deve inaugurar uma nova rodada de incertezas com a vizinha China.

"Eric Chu desapontou todo mundo. Nós perdemos. Os Nacionalistas foram derrotados", disse o candidato presidencial nacionalista Chu, rodeado de apoiadores, alguns em lágrimas, acrescentando que também renunciava à posição de presidente do partido.

Do lado de fora do Partido Progressista Democrático (PPD), de Tsai, apoiadores também choravam, mas de felicidade. "O povo taiwanês despreza o partido que chega muito perto da China", disse Jeff Chang, 35.

Tsai assumirá um dos cargos mais difíceis e perigosos da Ásia, com a China apontando centenas de mísseis em direção à ilha, décadas após os Nacionalistas derrotados terem fugido dos comunistas de Mao Zedong para Taiwan, na Guerra Civil Chinesa.

Ela terá que equilibrar os interesses das superpotências China, que também é o maior parceiro comercial de Taiwan, e Estados Unidos com aqueles de seu país democrático.

Tsai corre o risco de antagonizar com a China se tentar afirmar com força a soberania de Taiwan e inverter oito anos de laços com a China sob o atual presidente Ma Ying-jeou, dos Nacionalistas, cujas forças se retiraram para Taiwan em 1949.

Não houve reação imediata de Pequim.

(Reportagem adicional de Faith Hung e James Pomfret)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos