Renúncia de chanceler abre caminho para ampla reforma ministerial na França

  • © Philippe Wojazer / Reuters

PARIS (Reuters) - O ministro das Relações Exteriores da França, Laurent Fabius, afirmou nesta quarta-feira que está deixando o cargo, como eram amplamente esperado, um gesto que deve desencadear uma grande reforma no impopular governo francês.

Fabius, de 69 anos, disse a repórteres que esta quarta-feira marca sua última participação nas reuniões semanais do gabinete e que acredita que uma reforma ministerial abrangente será anunciada nesta semana.

"Estou deixando o cargo", declarou Fabius.

O presidente francês, François Hollande, deve nomear Fabius ainda nesta quarta-feira como chefe do principal tribunal constitucional do país.

A alteração é uma oportunidade para Hollande reformular sua equipe antes das eleições presidenciais de 2017 e melhorar seu baixíssimo índice de aprovação.

(Por John Irish e Elizabeth Pineau)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos