Índice acionário europeu sobe pelo 2º dia seguido impulsionado por mineradoras

Por Atul Prakash

LONDRES (Reuters) - O principal índice de ações europeias subiu pelo segundo dia consecutivo, chegando a atingir a máxima em três semanas, nesta sexta-feira, com as mineradoras mais fortes diante de preços mais altos dos metais e com alguns dados corporativos encorajadores sustentando o mercado.

O índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 teve alta de 1,59 por cento, a 1.305 pontos, depois de tocar mais cedo os 1.312 pontos, seu maior nível desde o começo de fevereiro.

Entretanto, as ações do Royal Bank of Scotland despencaram mais de 7 por cento após divulgar seu oitavo prejuízo anual seguido, de 1,97 bilhão de libras, ainda pressionado por custos de reestruturação e litígio. Analistas do Jefferies chamaram os resultados do RBS de "decepcionantes".

As mineradoras lideraram as altas, com o índice de matérias-primas do STXX Europe 600 Basic Resources com alta de 3,9 por cento, seguindo os fortes ganhos nos preços dos principais metais industriais, como do cobre e do alumínio.

As ações da Glencore, BHP Billiton e Rio Tinto subiram entre 2,9 por cento e 7,9 por cento.

. Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 1,38 por cento, a 6.096 pontos.

. Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,95 por cento, a 9.513 pontos.

. Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 1,56 por cento, a 4.314 pontos.

. Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 2,22 por cento, a 17.483 pontos.

. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 1,63 por cento, a 8.349 pontos.

. Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 1,04 por cento, a 4.710 pontos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos