Bancos da zona do euro podem lidar com juros muito baixos, diz Coeure, do BCE

Por Francesco Canepa

FRANKFURT (Reuters) - Os bancos da zona do euro têm lidado bem com taxas de juros muito baixas e seus maiores problemas não são causados pela política monetária frouxa, disse o membro da Comissão Executiva do Banco Central Europeu (BCE) Benoit Coeure nesta quarta-feira, abrindo caminho para mais afrouxamento monetário na próxima semana.

Os ganhos dos bancos podem estar fracos, restringindo sua capacidade de gerar capital, mas muitos superaram as taxas negativas do banco central e o compromisso do BCE com a estabilidade dos preços está de fato ajudando a rentabilidade bancária, disse Coeure.

As declarações de Coeure estarão entre as últimas orientações dadas pelo BCE antes de entrar no período de silêncio anterior à reunião de definição de juros na próxima semana, sugerindo que os argumentos a favor do afrouxamento continuam intactos.

As expectativa é de que o BCE leve a taxa de depósito ainda mais fundo no território negativo no dia 10 de março - mesmo que os bancos tenham argumentado que os juros negativos, efetivamente cobrando sobre os depósitos no banco central, comprimem suas margens, limitando sua capacidade de emprestar e tornando o afrouxamento contraproducente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos