Barco afunda na costa da Turquia e ao menos 18 imigrantes morrem

Em Istambul

  • Aris Messinis/AFP

Pelo menos 18 pessoas tentando alcançar a costa da Grécia naufragaram depois que o barco onde estavam afundou ao deixar o litoral da Turquia neste domingo, de acordo com a agência estatal de notícias Anadolu, às vésperas de um encontro da União Europeia que tem como objetivo combater e restringir a imigração ilegal no continente.

A Guarda Costeira Turca, utilizando barcos motorizados e um helicóptero, resgatou 15 pessoas e recuperou 18 corpos no Mar Egeu próximo à cidade de Didim, informou a agência Anadolu. A operação de resgate prosseguiu tentando achar mais vítimas cujas nacionalidades ainda são desconhecidas.

O primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, estará em Bruxelas nesta segunda-feira para uma reunião de emergência com líderes da União Europeia. O objetivo do encontro é reduzir a imigração ilegal que tem como destino os membros da organização.

Imigração que, em sua maioria, ocorre a partir da Turquia.

"A Turquia tem carregado esse fardo sozinha nos últimos cinco anos", disse Davutoglu aos jornalistas em coletiva de imprensa neste domingo antes de partir para a Bélgica. "Mas desde a segunda metade de 2015, este assunto se tornou parte da agenda da União Europeia, e estamos satisfeitos com a sensibilidade que o bloco tem demonstrado e sua vontade em trabalhar de forma conjunta."

A União Europeia ofereceu à Turquia 3,3 bilhões de dólares para fazer mais para impedir imigrantes de se aventurarem nesta jornada arriscada. A crise da imigração divide os líderes políticos da União Europeia e ameaça a política de fronteiras abertas do bloco econômico.

Até agora neste ano, 135 mil imigrantes já alcançaram a Europa ilegalmente. Cerca de 126 mil deles fizeram a jornada via Turquia, e mais de 400 já morreram, muitos deles ao longo da rota do Mar Mediterrâneo entre Turquia e Grécia, afirmou a Organização Internacional para as Migrações.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos