Suicida detona bomba e mata 26 em um parque ao sul de Bagdá

Ali al-Rubaie

Hilla

Um combatente suicida detonou um cinto de explosivos em um parque nos arredores de Bagdá nesta sexta-feira, matando 26 pessoas e ferindo 71, disse o chefe de segurança na província de Babel, onde a bomba explodiu, num ataque reivindicado pelo Estado Islâmico.

A explosão em Iskandariya, uma cidade com sunitas e xiitas que fica 40 quilômetros ao sul da capital, aconteceu por volta das 19h15 (horário local), no final de um jogo de futebol amador, disse Falah al-Khafaji.

Militantes do Estado Islâmico, que controlam faixas de território no norte e no oeste do Iraque, estão por trás do ataque, segundo a agência de notícias Amaq, que é ligada ao grupo.

Pelo menos 60 pessoas foram mortas mais cedo neste mês em um ataque, reivindicado pelo Estado Islâmico, a 80 quilômetros mais ao sul, em Hilla, quando um caminhão-tanque carregado de explosivos bateu em um posto de controle da segurança iraquiana.

Uma aparente escalada de grandes atentados em áreas fora do controle primário do Estado Islâmico sugere que as forças do governo iraquiano podem estar sobrecarregadas depois de ganhos recentes em relação ao grupo nas províncias ocidentais e do norte.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos