Crise política faz Dilma cancelar viagem a Washington, dizem fontes

BRASÍLIA (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff cancelou a viagem que faria para participar de uma cúpula sobre segurança nuclear em Washington por causa do aprofundamento da crise política que ameaça tirá-la do cargo, disseram duas fontes do governo à Reuters nesta terça-feira.

"Desde que ela aceitou o convite, as coisas mudaram radicalmente. Ela ficará aqui para lidar com a crise", disse uma das fontes, que pediu para não ter seu nome revelado porque a informação ainda não é pública.

O cancelamento da viagem acontece no mesmo dia em que o PMDB, até então maior partido da coalizão governista, anunciou oficialmente seu rompimento com o governo, aumentando as chances de impeachment da presidente.

(Reportagem de Alonso Soto)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos