FBI está ajudando a investigar ataques na Bélgica, diz Casa Branca

WASHINGTON (Reuters) - Os Estados Unidos enviaram duas equipes do FBI para ajudar autoridades belgas na investigação dos ataques de 22 de março que mataram 35 pessoas, incluindo norte-americanos, e autoridades belgas e norte-americanas irão discutir a cooperação nesta semana, informou a Casa Branca nesta quinta-feira.

"A Bélgica aceitou nossa assistência. Temos equipes do FBI em solo ajudando a investigação. Estamos compartilhando informações e inteligência com a Bélgica, uma vez que se relaciona com ameaças terroristas", disse o vice-assessor de segurança nacional da Casa Branca, Ben Rhodes, durante entrevista coletiva.

Rhodes disse que o ministro do Interior da Bélgica deve discutir cooperação de segurança com a procuradora-geral dos EUA, Loretta Lynch, durante cúpula em Washington nesta semana.

"Acreditamos que a Bélgica está levando a questão muito a sério e tivemos coordenações com sucesso no apoio à investigação e tentativas de desfazer planos adicionais", disse Rhodes.

(Reportagem de Roberta Rampton, Julia Harte, Susan Heavey)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos