Pedidos de auxílio de desemprego nos EUA caem mais que o esperado

WASHINGTON (Reuters) - O número de norte-americanos pedindo auxílio desemprego caiu mais que o esperado na semana passada, enquanto o mercado de trabalho continua saudável e a economia recupera força após cambalear no primeiro trimestre.

Os pedidos iniciais de auxílio desemprego caíram em 10 mil para 268 mil (ajustados sazonalmente) na semana que terminou 21 de maio, informou na quinta-feira o Departamento do Trabalho.

Pedidos para a semana anterior não foram revisados.

Economistas consultados pela Reuters previam que os pedidos recuariam para 275 mil.

Os pedidos de auxílio desemprego estão abaixo de 300 mil, um nível associado a condições de mercado de trabalho saudável, há 64 semanas consecutivas, período mais longo desde 1973. 

(Reportagem de Lucia Mutikani)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos