Índice chinês recua pela 6º semana seguida com temores sobre economia

XANGAI/TÓQUIO/CINGAPURA (Reuters) - As ações chinesas fecharam com leve queda nesta sexta-feira, marcando a sexta semana consecutiva de perdas do índice de Xangai, com os dados dos lucros da indústria somando aos temores de que uma recente melhora da economia está acabando.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 0,06 por cento, acumulando perda de 0,5 por cento na semana.

Enquanto o índice de Xangai teve queda de 0,03 por cento, caindo 0,2 por cento na semana.

O crescimento dos lucros das empresas industriais da China desacelerou em abril, em linha com outros dados do mês que sugerem que a economia pode estar perdendo ímpeto novamente, após melhorar mais cedo no ano.

Porém, no restante da região, as ações avançaram após dados dos Estados Unidos continuarem indicando que a economia vai bem.

Às 7:31 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 0,83 por cento, para a máxima de três semanas. O índice está a caminho de acumular ganhos de quase 3 por cento na semana.

O índice Nikkei do Japão subiu impulsionado pelas expectativas de que Tóquio adiará um aumento do imposto sobre as vendas, ajudando a ampliar os ganhos da semana para 1,5 por cento.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,37 por cento, a 16.834 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,88 por cento, a 20.576 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,03 por cento, a 2.821 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,06 por cento, a 3.062 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,62 por cento, a 1.969 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,83 por cento, a 8.463 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 1,05 por cento, a 2.802 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,33 por cento, a 5.405 pontos.

(Por Samuel Shen, Pete Sweeney, Shinichi Saoshiro e Nichola Saminather)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos