Siderúrgica chinesa Baosteel diz que EUA violam regras da OMC

XANGAI (Reuters) - O grupo siderúrgico chinês Baosteel acusou os Estados Unidos nesta sexta-feira de quebrarem regras da Organização Mundial do Comércio (OMC) e prometeu apelar contra uma investigação feita pelo país contra a companhia.

A empresa pediu ao governo chinês para tomar todas as medidas necessárias para assegurar tratamento justo para o setor.

Autoridades dos EUA lançaram na quinta-feira uma investigação sobre acusação feita pela United States Steel de que siderúrgicas chinesas, incluindo a Baosteel, roubaram segredos e fixaram preços, em mais recente episódio na briga comercial entre os dois países.

(Por Roby Lian e David Stanway)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos