Dívida dos municípios será analisada, diz Temer

(Reuters) - O presidente interino Michel Temer afirmou nesta sexta-feira que o governo federal vai analisar a situação da dívida dos municípios, mas não prometeu que haverá um acordo nos moldes do feito com os Estados.

"Não vamos prometer nada, mas vamos verificar a situação dos municípios", disse o presidente em entrevista à rádio Estadão, acrescentando que o próprio acordo de revisão das dívidas dos Estados traz benefícios para os municípios.

Temer também defendeu, na entrevista, que o Brasil tem que rever sua relação com o Mercosul.

"O Brasil muitas vezes tem dificuldade de fazer um acordo tarifário porque está preso aos compromissos do Mercosul", afirmou. "Neste momento temos que rediscutir o Mercosul, não para eliminá-lo, mas para dar uma diretriz mais segura nessa tese da universalização da relação com outros países."

Temer ainda classificou de "ideológica" a política externa praticada no governo de Dilma Rousseff, o que era "inaceitável", e disse que pretende ter uma relação igualitária com todos os outros países.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos