Itália prende o segundo chefe da máfia mais procurado

MILÃO (Reuters) - O segundo mafioso mais procurado da Itália, Ernesto Fazzalari, foi preso neste domingo pela polícia, após quase duas décadas de buscas.

Fazzalari, da notória 'Ndrangheta, a organização criminal da Calábria mais rica e poderosa da Itália, estava foragido desde junho de 1996.

Ele era o segundo chefe da máfia mais procurado do país em termos de influência e perigo para a sociedade, depois de Matteo Messina Denaro, da máfia siciliana Cosa Nostra, disse um comunicado da polícia.

Fazzalari, de 46 anos, enfrenta uma sentença de prisão perpétua, julgado à revelia e considerado culpado de assassinato, crimes da máfia, tráfico de drogas, roubo e posse ilegal de armas.

(Reportagem de Giulia Segreti)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos