Cameron diz a ministros para continuarem a trabalhar normalmente; cria grupo para "Brexit"

LONDRES (Reuters) - O primeiro-ministro britânico, David Cameron, fez um apelo nesta segunda-feira aos seus principais ministros para continuarem a trabalhar normalmente e criou uma nova unidade para ajudar na implementação da saída britânica da União Europeia, disse sua porta-voz.

"O governo agora precisa focar em fazer todo o necessário para se preparar para uma negociação para deixarmos a União Europeia... e também lidar com uma grande gama de negócios que o governo possui", disse a repórteres.

Sobre a criação de uma unidade de funcionários públicos para apoiar um novo premiê quando Cameron deixar o gabinete até outubro, ela disse: "Será para planejamento, não para tomada de decisões, porque é certo que esta decisão seja tomada pelo primeiro-ministro de um novo governo".

(Reportagem de Elizabeth Piper e Kylie MacLellan)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos