Cartões de memória de caixas-prestas do voo EgyptAir são enviados à França para reparos

CAIRO (Reuters) - Cartões de memória danificados das caixas-pretas do voo MS804 da EgyptAir foram enviados à França nesta segunda-feira para consertos, disse uma fonte do comitê de investigação.

O Airbus da empresa aérea egípcia caiu no leste do mar Mediterrâneo quando voava de Paris ao Cairo no dia 19 de maio, matando todas as 66 pessoas que estavam a bordo.

Investigadores egípcios passaram dias tentando reparar os chips, que lhes permitiriam começar a transcrever e analisar as gravações e os dados registrados que poderiam fornecer um vislumbre do que causou o acidente.

A fonte do comitê de investigação disse que investigadores irão acompanhar os cartões de memória à França, onde técnicos do laboratório do Escritório de Inquéritos e Análises para a Segurança da Aviação Civil da França (BEA, na sigla em francês) irão retirar depósitos de sal dos chips.

Os cartões serão devolvidos ao Cairo para análise assim que forem consertados.

Destroços do avião foram levados para o aeroporto do Cairo, onde investigadores tentarão montar uma parte da estrutura da aeronave em busca de pistas adicionais que possam explicar a queda, acrescentou a fonte.

         (Por Eric Knecht)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos