Libra recupera algum terreno após atingir mínima de 31 anos

Por Jemima Kelly

LONDRES (Reuters) - A libra recuperava algum terreno contra o dólar nesta terça-feira, mas no contexto de uma queda histórica de 11 por cento após os britânicos terem votado pela saída da União Europeia na semana passada. Analistas avaliaram que o comportamento foi apenas uma pausa, e não o início de uma tendência de alta.

A alta da libra, que chegou a mais de 1 por cento em certo momento, seria sob condições normais do mercado considerada uma recuperação decente, mas o movimento pareceu modesto depois que o referendo de quinta-feira passada provocou a maior queda da moeda na história, para a mínima de 31 anos.

A libra caiu cerca de 7 por cento somente na sexta-feira, maior queda diária na era do câmbio flutuante pós 1973. Nesta terça-feira, o nível mais alto que atingiu foi de 1,3373 dólar , ainda quase 17 centavos abaixo de onde estava antes do resultado do referendo começar a ser anunciado.

Às 7:03, a libra era negociada a 1,3352 dólar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos