IEA estima leve aumento de produção de cana em SP e queda na safra de laranja

SÃO PAULO (Reuters) - A safra de laranja do Estado de São Paulo, maior produtor da fruta no Brasil, foi estimada em 279,6 milhões de caixas de 40,8 kg neste ano, uma queda de 5,4 por cento ante 2015, informou nesta quarta-feira o Instituto de Economia Agrícola (IEA), órgão do governo paulista

Segundo o instituto, o fenômeno climático El Niño influenciou de maneira diferente as regiões produtoras do Estado, causando perdas em lavouras próximas a Votuporanga, Tupã e General Salgado, devido à seca e altas temperaturas, enquanto outras regiões sofreram com chuvas abundantes.

São Paulo abriga o principal polo industrial de produção de suco de laranja no Brasil, o maior exportador global da commodity.

De acordo com o IEA, também houve redução de 3 por cento na área cultivada em relação à temporada anterior --inclui áreas com plantas ainda não produtivas.

Já para a colheita da cana-de-açúcar em São Paulo, que responde por mais da metade da safra nacional, deve atingir 439,5 milhões de toneladas, aumento de 0,7 por cento ante a temporada anterior, devido a crescimento de 1,9 por cento na produtividade no mesmo período.

No entanto, o instituto prevê queda de 1,2 por cento na área de produção do cultivo em São Paulo na atual temporada.

(Por Natália Scalzaretto)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos