Forças do Iraque avançam rumo a base aérea tomada pelo Estado Islâmico

Por Ahmed Rasheed

BAGDÁ (Reuters) - Forças do Iraque retomaram uma série de vilarejos do norte antes ocupados por militantes do Estado Islâmico, informou o governo nesta terça-feira, chegando mais perto de uma base aérea que poderia servir como plataforma de lançamento de uma ofensiva para recuperar Mosul, a maior cidade nas mãos dos extremistas.

Apoiadas por ataques aéreos da coalizão liderada pelos Estados Unidos, tropas governamentais iniciaram sua ofensiva pelo flanco leste do rio Tigre, a partir da base militar de Makhmour, em março, mas a resistência dura do Estado Islâmico e o terreno difícil atrasaram o avanço.

As forças do governo já retomaram todos os vilarejos da área de Haj Ali e alcançaram a margem leste do Tigre, cerca de 60 quilômetros ao sul de Mosul, disse o Ministério da Defesa em um comunicado nesta terça-feira.

Um brigadeiro do Exército envolvido nas operações de recaptura da base aérea de Qayara, do lado oeste do Tigre, disse que forças iraquianas expulsaram militantes de sete vilarejos de Haj Ali na segunda-feira de noite depois que combatentes do grupo radical fugiram em barcos ou a nado.

"O objetivo das tropas agora é manter suas posições na margem do rio e esperar que outras forças avancem do sul para cercar os combatentes do Daesh (acrônimo árabe para o Estado Islâmico) e assumir o controle da base aérea de Qayara", disse a autoridade militar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos