Imperador japonês Akihito pretende abdicar nos próximos anos, diz TV

Em Tóquio

  • Thomas Peter/ Reuters

    23.dez.2015 - O imperador japonês Akihito acena do Palácio Imperial para marcar o seu aniversário de 82 anos, em Tóquio, Japão

    23.dez.2015 - O imperador japonês Akihito acena do Palácio Imperial para marcar o seu aniversário de 82 anos, em Tóquio, Japão

O imperador japonês Akihito pretende abdicar ao trono nos próximos anos, informou a rede de TV pública NHK nesta quarta-feira (13), uma decisão sem precedentes no Japão moderno.

O monarca, de 82 anos e que apresentou problemas de saúde nos últimos anos, expressou sua intenção à Agência da Casa Imperial, segundo a NHK, que não citou um motivo.

Akihito já comunicou sua intenção de abdicar para sua esposa, a imperatriz Michiko, e para seu filho e príncipe herdeiro do Japão, Naruhito.

O imperador já iniciou os preparativos necessários para garantir "uma sucessão estável", segundo fontes da Agência da Casa Imperial japonesa à emissora NHK.

Autoridades da agência não puderam ser contatadas imediatamente para comentários.

O estado de saúde do imperador é frágil, o que o impede de desenvolver suas funções plenamente.

A saúde do imperador do Japão ficou debilitada nos últimos anos. Ele  se submeteu a uma cirurgia coronária de "by-pass" em 2012 e também sofreu um câncer de próstata em 2003 após o qual desenvolveu uma osteoporose, devido ao efeito do tratamento hormonal receitado.

Akihito, imperador há 27 anos, foi diagnosticado neste ano com influenza.

Nascido em 1933, ele foi herdeiro do imperador Hirohito, por quem o Japão lutou na Segunda Guerra Mundial. Seu herdeiro é o príncipe Naruhito, de 56 anos.

Devido à idade e seus problemas de saúde, a opinião pública japonesa debateu nos últimos anos a possibilidade de reduzir a carga de trabalho de Akihito, que delegou a seu filho Naruhito algumas das obrigações de sua agenda, como visitas a creches e asilos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos