Duas adolescentes francesas são detidas por ligação com militante do Estado Islâmico

PARIS (Reuters) - A polícia francesa deteve, em meados de setembro, duas jovens de Nice suspeitas de ligações com Rachid Kassim, militante do Estado Islâmico, informou neste domingo a promotoria de Paris.

As jovens, de 17 e 19 anos, utilizaram o sistema Telegram de mensagens para se comunicar com Kassim, suspeito de participar ou planejar vários ataques na França, disse um porta-voz, confirmando uma reportagem do jornal Le Parisien.

"Elas foram incitadas a cometer um ataque a alvos específicos em retaliação à morte recente do porta-voz do Estado Islâmico (Abu Muhammad al-Adnani)", disse ao Le Parisien uma fonte próxima à investigação.

Segundo o jornal, as adolescentes confirmaram ter considerado o ataque antes de abandonarem a ideia.

Ao menos outros quatro adolescentes, todos suspeitos de conspirar para matar em nome do Estado Islâmico, foram presos em cerca de 10 dias no início de setembro pela Diretoria Geral de Segurança Interna, uma agência de inteligência francesa, que observou os suspeitos pelas redes sociais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos