Rússia diz que chegar a acordo para congelar produção de petróleo não é crítico, diz RIA

MOSCOU (Reuters) - Chegar a um acordo para estabilizar os preços globais do petróleo, incluindo um possível acordo para congelar a produção, é "não-crítico" para a Rússia, disse o ministro de Energia, Alexander Novak, segundo a agência de notícias russa RIA.

"Para nós, em princípio, é não-crítico, mas acreditamos que o processo de reequilíbrio do mercado poderia ser avançado. É benéfico para todos", disse Novak segundo a RIA.

Membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo vão se reunir paralelamente ao Fórum Internacional da Energia, na Argélia, de 26 a 28 de setembro, onde vão discutir um possível acordo de limitação da produção.

(Por Maria Kiselyova)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos