OMC reduz projeção de crescimento do comércio mundial em 2016 para 1,7%

GENEBRA (Reuters) - A Organização Mundial do Comércio (OMC) reduziu sua previsão para o crescimento do comércio mundial neste ano em mais de um terço nesta terça-feira, refletindo a desaceleração na China e queda nos níveis de importações nos Estados Unidos.

A nova estimativa de 1,7 por cento, ante estimativa anterior da OMC de 2,8 por cento em abril, marcou a primeira vez em 15 anos que o comércio internacional avança abaixo da economia mundial, disse a instituição.

"Precisamos ter certeza de que isso não se traduza em políticas equivocadas que poderiam tornar a situação muito pior, não só do ponto de vista do comércio, mas também para a criação de emprego e de crescimento econômico e desenvolvimento que estão estreitamente ligados a um sistema de comércio aberto", disse o diretor geral da OMC, Roberto Azevedo, no relatório.

Os dados reforçam a preocupação de que, após um longo período de crescimento através da globalização e a dependência do comércio global, os governos buscam cada vez mais proteger suas próprias indústrias e promover os produtores nacionais em detrimento de concorrentes estrangeiros.

A OMC estima crescimento mais lento do comércio em 2017 do que a projeção anterior, com um aumento de 1,8 a 3,1 por cento, em vez dos 3,6 por cento previsto em abril.

(Reportagem de Tom Miles)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos