Tempestade Matthew ganha força de furacão e causa uma morte no Caribe

CASTRIES, Santa Lúcia (Reuters) - A tempestade tropical Matthew se fortaleceu e virou furacão nesta quinta-feira, após ter causado inundações e deslizamentos de terra na parte leste das ilhas caribenhas que mataram uma pessoa.

A previsão é que Matthew deve ficar mais forte conforme se encaminha para Jamaica, Haiti e Cuba.

Com ventos de até 120 km/h, Matthew estava cerca de 240 km a nordeste de Curaçao e viajava para oeste, disse o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC, na sigla em inglês).

Matthew atravessou as ilhas caribenhas de Barbados, Santa Lúcia e São Vicente e Granadinas na quarta-feira, fechando aeroportos internacionais, arrancando linhas de energia e árvores, obrigando os moradores a irem para abrigos.

O primeiro-ministro de São Vicente e Granadinas, Ralph Gonsalves, disse aos repórteres que uma morte relacionada à tempestade foi relatada. Ele disse que havia 350 pessoas em abrigos em seu país.

Em Santa Lúcia, enchentes e deslizamentos ameaçaram vilarejos, fazendo com que alguns moradores se retirassem para abrigos.

(Por Sarah Peter; reportagem adicional por Robert Edison Sandiford e Frank Jack Daniel)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos