PUBLICIDADE
Topo

Omar Aziz ironiza Bolsonaro por Ricardo Barros no governo: 'Talvez escreva nota pedindo desculpas'

14/09/2021 14h51

O presidente da CPI da Covid, Omar Aziz, ironizou a nota de desculpas do presidente Jair Bolsonaro após ameaças ao STF nas manifestações no dia 7 de setembro. Durante a sessão da CPI da Covid, Aziz disse que o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros, é 'intocável' para o presidente.

A CPI da Covid foi criada no Senado após determinação do Supremo. A comissão, formada por 11 senadores (maioria é independente ou de oposição), investiga ações e omissões do governo Bolsonaro na pandemia do coronavírus e repasses federais a estados e municípios. Tem prazo inicial (prorrogável) de 90 dias. Seu relatório final será enviado ao Ministério Público para eventuais criminalizações.