PUBLICIDADE
Topo

Diretor da Prevent Senior acusa ex-médicos da operadora de adulterarem dados em planilha

22/09/2021 12h21

O depoente do dia na CPI da Covid, Pedro Benedito, negou acusações de que a empresa teria sido negligente no compartilhamento de dados sobre pacientes mortos por covid-19 e afirmou que as informações obtidas pela imprensa foram adulterados por um casal de ex-médicos da operadora.

A CPI da Covid foi criada no Senado após determinação do Supremo. A comissão, formada por 11 senadores (maioria é independente ou de oposição), investiga ações e omissões do governo Bolsonaro na pandemia do coronavírus e repasses federais a estados e municípios. Tem prazo inicial (prorrogável) de 90 dias. Seu relatório final será enviado ao Ministério Público para eventuais criminalizações.