Topo

Coluna

Chico Alves


Freixo já debate programa da aliança com Lula por prefeitura do Rio

Deputado Marcelo Freixo e o ex-presidente Lula, após a reunião de ontem - Ricardo Stuckert, Instituto Lula
Deputado Marcelo Freixo e o ex-presidente Lula, após a reunião de ontem Imagem: Ricardo Stuckert, Instituto Lula
Chico Alves

Chico Alves é jornalista, por duas vezes ganhou o Prêmio Embratel de Jornalismo e foi menção honrosa no Prêmio Vladimir Herzog. Foi editor-assistente na revista ISTOÉ e editor-chefe do jornal O DIA. É co-autor do livro 'Paraíso Armado', sobre a crise na Segurança Pública no Rio, em parceria com Aziz Filho.

Colunista do UOL

26/11/2019 04h00

O deputado Marcelo Freixo (PSOL-RJ) estava bem ao lado de Lula no primeiro discurso feito no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, após mais de 500 dias de prisão do ex-presidente na carceragem da Polícia Federal, em Curitiba. Naquela ocasião, Freixo teve o nome citado pelo petista algumas vezes e foi tratado com carinho especial. Da cena, concluiu-se que estava selada uma aliança em que o PT apoiaria a candidatura do deputado do PSOL a prefeito do Rio.

Dias depois, porém, o ex-presidente disse, em entrevista ao jornalista Fernando Morais, que apoiaria a deputada Benedita da Silva à prefeitura e negou que estivesse compromissado com Freixo. "O PT, mais do que os outros, precisa ir para a TV defender o partido", explicou, a certa altura.

Ontem, o deputado do PSOL se encontrou mais uma vez com o ex-presidente, no Instituto Lula. Depois de duas horas de papo, saiu mais uma vez confiante em que a parceria entre petistas e psolistas vai acontecer na corrida à prefeitura carioca. "No Rio, tem aliança", disse Freixo à coluna.

"A gente já está com a coordenação formada, estamos debatendo programa. PT, PV e PSOL estão avançados nessa aliança", revelou. "Este acordo está encaminhado desde sempre".

O deputado compreende que Lula cuide de acertar com seu partido como vai garantir que seus detratores não fiquem sem resposta. "Ele precisa se defender de uma quantidade grande de ataques. Tem razão quanto ao espaço de defesa para o PT falar sobre ele", explica. "Mas isso não ameaça a aliança".

Freixo diz que o PCdoB está "mais do que convidado" para essa frente de esquerda no Rio. "Mas é um processo deles", observa.

No encontro com o ex-presidente, conversaram sobre Brasil, Segurança Pública, democracia e Frente Ampla.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.

Chico Alves