PUBLICIDADE
Topo

Felipe Moura Brasil

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

As bravatas de Lula e Bolsonaro sobre a Petrobras

só para assinantes
Felipe Moura Brasil

Felipe Moura Brasil é âncora da BandNews FM e colunista do UOL. Vencedor do Prêmio Comunique-se na categoria Jornalista Influenciador Digital. Maior influenciador político do Brasil no Twitter, de acordo com estudo da empresa de big data Stilingue. Trabalhou nas revistas Veja e Crusoé, no site O Antagonista e na rádio Jovem Pan, onde também foi diretor de Jornalismo. Reúne suas várias frentes de trabalho em www.felipemourabrasil.com.

Colunista do UOL

21/06/2022 22h53

Na Live UOL desta terça-feira (21), comentei as declarações de Lula sobre a postura de Jair Bolsonaro diante do aumento do preço dos combustíveis.

O petista disse que Bolsonaro faz "muita bravata", mas "mantém o preço alto", porque "ele não quer brigar com os acionistas" que ficam com o lucro "exorbitante" da Petrobras, quando poderia, "com uma canetada", obrigar o presidente da companhia a diminuir o preço, como fez Pedro Parente em sua gestão.

Em seguida, Lula se gabou de que os acionistas "demoraram muitos anos para receber dividendos em nosso governo, porque a nossa prioridade era a Petrobras se transformar numa grande empresa não de petróleo, mas de energia".

Ou seja: um bravateiro falando do outro.

Durante os governos de Lula e Dilma Rousseff, na verdade, a Petrobras se transformou em uma grande empresa de propina.

Graças à descoberta da roubalheira pela Lava Jato, foram criadas regras para reduzir a ingerência política que Lula, Bolsonaro e Centrão agora querem de volta, desde que sejam eles no comando.

Sem tempo nem competência para implementar em três meses qualquer medida de efeito em longo prazo que não planejou nem tomou em três anos, Bolsonaro prefere culpar a companhia até a eleição, até porque sua prioridade nunca foi resolver problemas reais do país, mas, sim, emplacar narrativas convenientes.

Assista à íntegra da Live UOL de hoje, na qual falamos também sobre o constrangimento provocado pelo vereador Eduardo Suplicy (PT-SP), que invadiu o mesmo evento, em São Paulo, onde Lula criticou o atual presidente e lançou seu programa de governo; e sobre a deputada Gleisi Hoffmann (PT), que afirmou que o partido vai negar assinaturas para a CPI da Petrobras.

Com Madeleine Lacsko, debato os principais assuntos do país diariamente, das 17h às 18h, com transmissão ao vivo nos perfis do UOL no YouTube, no Facebook e no Twitter.