Topo

UOL Confere

Uma iniciativa do UOL para checagem e esclarecimento de fatos

Vaias em ato do PT não foram para Haddad, mas para político do MDB

Arte/UOL
Imagem: Arte/UOL

Do UOL, em São Paulo

19/10/2018 21h06

É falsa a informação de que o candidato a presidente Fernando Haddad (PT) foi vaiado e chamado de traidor por correligionários. O protesto, na verdade, aconteceu em 22 de agosto deste ano e foi direcionado ao ex-governador de Sergipe Jackson Barreto (MDB). Na ocasião, uma comitiva recebia Haddad na sede do Partido dos Trabalhadores em Aracaju quando ele ainda era vice na chapa encabeçada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O vídeo está sendo compartilhado com um título que não corresponde à realidade: "PETISTAS chamam HADDAD de TRAIDOR e gritam FORA HADDAD! Foraaaaaaá (sic)".

Na gravação, é possível ouvir o grupo dizendo "Jackson traidor" e "Fora, Jackson". Para localizar a informação correta, o projeto Comprova fez uma busca no Google usando estes termos. Veículos de imprensa locais reportaram a manifestação dos petistas contra o emedebista Jackson Barreto (como aqui e aqui). Não há nenhum registro de protesto contra Haddad na ocasião.

O ex-governador Jackson Barreto, ao site “Política em Foco”, comentou o episódio. "Um grupo de quatro gatos pingados do Sintese [Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica do Estado de Sergipe] tentou criar constrangimento para mim durante visita de Fernando Haddad", disse. Em Sergipe, MDB e PT estão na mesma coligação.

A publicação enganosa no YouTube usou um vídeo com qualidade inferior ao original, publicado pelo “NE Notícias”. Essa estratégia dificulta a busca reversa de frames em ferramentas de pesquisa na internet. Mesmo assim, com o Google, foi possível localizar o conteúdo com informação falsa em contas do Twitter e em sites que apoiam o candidato Jair Bolsonaro (PSL).

O post mais antigo com a informação falsa encontrado pelo Comprova foi postado em 30 de setembro. No YouTube, o vídeo com o título falso mais popular foi visualizado cerca de 240 mil vezes. Foi publicado no perfil Evil Gamers Brasil, com conteúdo político favorável ao candidato do PSL.

O material enganoso foi verificado pela “Gazeta Online”, além do UOL e da rádio "BandNews FM" e da revista "piauí", todos integrantes do projeto Comprova.

O UOL Confere é uma iniciativa do UOL para combater e esclarecer as notícias falsas na internet. Se você desconfia de uma notícia ou mensagem que recebeu, envie para uolconfere@uol.com.br.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Newsletters

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero receber

Mais UOL Confere