Topo

UOL Confere

Uma iniciativa do UOL para checagem e esclarecimento de fatos


Montagem que elogia governo Bolsonaro não mostra como está obra na BR-163

Arte/UOL
Imagem: Arte/UOL

Anita Grando Martins

Colaboração para o UOL, em Florianópolis

04/05/2019 04h00

Duas fotos da BR-163 estão circulando nas redes sociais como se uma tivesse sido tirada durante os governos de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff e a outra na gestão de Jair Bolsonaro. Na primeira, a rodovia aparece cheia de lama, com caminhões atolando. Na segunda, está seca e reta, com máquinas do Exército brasileiro a nivelando.

Há vídeos no YouTube e outras postagens em redes sociais com informações semelhantes, mas sempre mencionando que a obra seria um feito do atual governo.

FALSO: foto não mostra estágio atual da obra na BR-163

A imagem que está circulando no Facebook como se fosse de agora não retrata a "obra atual executada pelo Exército na BR-163 (Operação Xingu ou Operação Radar Xingu)", informou o Centro de Comunicação Social do Exército. "A fotografia onde aparecem veículos atolados em uma estrada não pavimentada não faz parte do acervo de imagens do Exército, o que inviabiliza a descrição solicitada", acrescentou.

O Exército está envolvido nas obras de pavimentação da BR-163 desde o início, na década de 1970, quando foi criado o Programa de Integração Nacional. Em 2017, após fechar convênio com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), o Exército começou a pavimentação de 65 quilômetros de um trecho que fica na divisa entre Pará e Mato Grosso, a mencionada Operação Xingu.

No momento, a obra está parada devido ao chamado inverno amazônico, período de chuvas intensas na região que costuma durar de dezembro a maio, mas deve ser retomada em breve, de acordo com informações do Centro de Comunicação Social do Exército. Os trabalhos contam com a participação de 56 pessoas e 244 máquinas e viaturas e estão previstos para terminar entre 2019 e 2020.

A BR-163 possui uma extensão de 3470 quilômetros e liga Tenente Portela, no Rio Grande do Sul, a Santarém no Pará. É uma das mais importantes rodovias do interior do Brasil e a principal rota de escoamento do polo produtor de grãos de Mato Grosso.

O UOL Confere é uma iniciativa do UOL para combater e esclarecer as notícias falsas na internet. Se você desconfia de uma notícia ou mensagem que recebeu, envie para uolconfere@uol.com.br.

Mais UOL Confere